Nova tecnologia para a detecção de melamina no leite
Investigadores da Universidade de Purdue, nos Estados Unidos, desenvolveram um novo método de analises de detecção da presença de melamina no leite que tem a vantagem de ser muito sensível e rápido. É capaz de detectar a melamina numa amostra de leite ou de leite em pó em 25 segundos, mesmo que a concentração não ultrapasse as partes por bilião.

 

Esta página usa cookies para lhe proporcionar uma melhor experiência. Ao continuar está a consentir a sua utilização.