Carrefour estuda fusão com o grupo Pão de Açúcar
O Carrefour está estudando a possibilidade de fundir sua unidade brasileira com o grupo Pão de Açúcar, publicou um jornal francês. Analistas mostraram-se céticos sobre a notícia, que não cita fontes e foi publicada no domingo pelo Journal du Dimanche.

Na avaliação dos especialistas, um acordo do tipo levantaria questões de concorrência e provavelmente receberia oposição do grupo francês Casino, rival do Carrefour e dono de 35% do Grupo Pão de Açúcar.

Representantes do Carrefour e do Casino não comentaram o assunto nesta segunda-feira. O Grupo Pão de Açúcar afirmou, por meio da assessoria de imprensa, desconhecer essa negociação.

O Dimanche publicou sem citar fontes que o Carrefour, maior cadeia de distribuição (varejista) da Europa, tinha dado mandato para o banco de investimento Lazard estudar uma transação que poderia envolver a família controladora do Pão de Açúcar assumindo uma participação no Carrefour.

"Abílio Diniz poderia assumir um assento no Carrefour, que está enfrentando dificuldades", publicou o jornal, acrescentando que qualquer transação precisaria da aprovação do Casino.

"Esta é a primeira vez que ouvimos tal plano no Brasil e, sem fontes citadas pelo jornal, preferimos ficar cautelosos sobre isso", disseram analistas do Espírito Santo em relatório.

"Isso porque o Casino detém quase 35% de participação no Grupo Pão de Açúcar e certamente teria algo a dizer sobre uma fusão. Além disso, a empresa combinada teria uma participação no varejo de alimentos de cerca de 30% no Brasil, o que poderia fazer autoridades reguladoras se manifestarem também", acrescentaram.

Fonte Reuters 23-05-2011

 

Comentários:

Esta página usa cookies para lhe proporcionar uma melhor experiência. Ao continuar está a consentir a sua utilização.