Níveis de dioxinas em alimentação humana e animal
A Autoridade Europeia para a Segurança dos Alimentos (EFSA), na sequência de solicitação da Comissão Europeia, publicou um relatório técnico sobre a ocorrência de resíduos de medicamentos veterinários em animais vivos e produtos de origem animal. Os resultados do relatório estão incluídos no relatório anual da Comissão Europeia sobre a implementação dos planos de monitorização de resíduos nos Estados-membros da UE.

O relatório técnico da EFSA, que também inclui outras substâncias como os contaminantes, compara os níveis reportados com os limites definidos na legislação da UE para protecção dos consumidores e baseia-se nos dados apresentados pelos 27 Estados-membros para 2008.

No total foram reportadas mais de 750.000 amostras dirigidas, tendo-se verificado menos de 2.000 (0,27%) resultados acima dos limites legais.

A frequência dos resultados de incumprimento foi similar à verificada no ano anterior para a maioria dos medicamentos veterinários regulamentados.

Os antibacterianos foram aqueles que mais contribuíram para os resultados de incumprimento (46%), seguidos das hormonas (19%), e as substâncias classificadas como “outros produtos de uso veterinário” (18%).

A maior percentagem de resultados de incumprimento verificou-se em porcos (39%), seguidamente em vacas (31%) e em aves de criação (17%). No entanto foi também nestes grupos de animais que foram colhidas o maior número de amostras.

http://www.efsa.europa.eu/en/scdocs/scdoc/1559.htm

EFSA 19-04-2010

 

Comentários:

Esta página usa cookies para lhe proporcionar uma melhor experiência. Ao continuar está a consentir a sua utilização.